decoração quartos infantis

Como decorar um quarto infantil?

Spread the love

O desenvolvimento das crianças está diretamente ligado ao ambiente em que vivem, principalmente durante os primeiros anos de vida quando estão começando a ter o primeiro contato com o mundo à sua volta. Sendo assim, ter um quarto propício para o desenvolvimento pode ser uma maneira eficiente de auxiliar seu pequeno e promover diversos benefícios ao longo de sua vida. Contudo, sabemos que escolher cores, tipo de decoração, móveis e objetos decorativos não é uma tarefa simples. Por isso, no post de hoje vamos falar tudo o que você precisa saber para decorar um quarto infantil.

  1. Planejamento

É de suma importância elaborar um planejamento para criar o quarto infantil ideal, sem extrapolar o orçamento. Além disso, caso esteja procurando um imóvel junto à sua imobiliária, é bacana medir o espaço para começar o planejamento. Isso porque, com as medidas certas, mesmo antes de se mudar, já é possível encomendar os móveis planejados e comprar itens necessários. Aliás, caso queira realizar alguma reforma estrutural no ambiente, é essencial confirmar com a imobiliária se o imóvel aceita esse tipo de mudança para não ter dores de cabeça futuramente.

  1. Coloque o pequeno para participar

Se ele tiver idade suficiente, é muito importante incluí-lo nas escolhas da montagem do quarto. Além disso, conhecer seus gostos é essencial para deixar o ambiente ainda mais acolhedor. Isso porque, caso o quarto tenha apenas os seus gostos é provável que ele não se sinta pertencente ao local. Sua participação será essencial para que ele também comece a se conhecer melhor, saiba quais são suas preferências de cores, aprenda a escolher entre uma opção e outra, crie noção de que nem todos os gostos serão atendidos, entre outros. É claro que tudo será feito dentro dos limites estabelecidos por você, mas fazer com que ele participe também pode te ajudar. 

  1. Escolha as cores certas

Ter uma paleta de cores pode auxiliar nas escolhas das paredes, móveis, papeis de parede e objetos de decoração. A base neutra, como branco, cinza e tons pasteis facilita a decoração com os móveis, quadros, tapetes, etc. Mas, além disso, essas cores refletem melhor a luz do sol, promovendo maior claridade e sensação de amplitude, transmitindo mais tranquilidade ao pequeno. Contudo, crianças precisam de estímulos e incluir detalhes coloridos é essencial. Por isso, aposte em cores vibrantes nos tapetes, almofadas, quadros, roupas de cama, luminária, etc. Com isso você irá criar um equilíbrio no ambiente, sendo possível até mesmo estimular a imaginação e criatividade da criança. Inclusive, você ainda pode aplicar um papel de parede colorido em locais estratégicos para deixar o ambiente com vida e sem parecer um consultório.

  1. Não subestime a iluminação

É muito importante que móveis e cortinas não impeçam a entrada de luz natural no ambiente, para que ele não fique muito escuro e cause problemas de umidade. Esse tipo de iluminação é essencial para manter a qualidade de vida do espaço e por isso não deve ser subestimado. Sendo assim, posicione os móveis, como escrivaninha, de forma estratégica para que seja possível aproveitar a luz natural e ainda receber boa incidência da luz artificial quando precisar. Além disso, lâmpadas mais quentes promovem maior conforto ao pequeno, mas em luminárias de escrivaninha prefira a luz branca para melhorar sua concentração. 

  1. Crie um espaço separado para estudos e brincadeiras

Por meio de papeis de parede, cores diferentes ou até mesmo um tapete, você pode delimitar o espaço do quarto para os momentos de estudo e brincadeira. Isso porque, ambientes propícios e voltados para atividades específicas são uma maneira de manter a concentração dos pequenos nas tarefas que estão sendo realizadas. Afinal, concorda que realizar as tarefas da escola perto dos brinquedos pode ser muito mais difícil para se concentrar? Além disso, as crianças também aprendem brincando e ter um espaço próprio para isso pode auxiliar no desenvolvimento da criatividade, noção de organização, espaço, entre outros. 

  1. Tenha os móveis certos

Os móveis planejados são uma ótima opção para sua casa como um todo, mas no quarto dos pequenos eles podem ser ainda mais funcionais. Pelo fato de serem feitos sob medida, você pode escolher a cor ideal, medidas adequadas, quantidade de gavetas e prateleiras que quiser, entre outras opções. Além de otimizarem o espaço, eles podem ser extremamente funcionais e divertidos. Por exemplo, é possível construir uma cama em formato de beliche, incluindo uma escrivaninha embutida. Ou ainda, móveis com gavetas para brinquedos e livros. Tudo vai da sua imaginação e necessidades do dia a dia. 

E então, gostou das dicas decoração? Com um bom planejamento e escolhendo os itens certos, você será capaz de criar um espaço propício para estimular o desenvolvimento de seu pequeno. Lembre-se que, quando possível, é muito bacana incluí-lo como participante ativo das decisões para que ele também se sinta confortável no ambiente. Assim, os momentos em família serão muito mais especiais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *